Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
ENQUETE
O QUE LEVA UMA PESSOA A USAR DROGAS?
FALTA DE INFORMAÇAO
UM REFÚGIO P/ PROBLEMAS
FALTA ESTRUTURA FAMILIAR
AUSÊNCIA DE DEUS
Ver Resultados

Rating: 3.2/5 (3260 votos)




ONLINE
2





Partilhe este Site...



CLIQUE NAS IMAGENS.:CN

PEDIDOS DE ORAÇOES

SEU NOME NUMA MISSAhttp://marciosantana.no.comunidades.net/006.jpg

 

SANTA MISSA TERÇO ONLINELITURGIA DIARIA

BIBLIA ON-LINEcatecismo da igreja católicaVATICANO ON-LINEDIOCESE DE JANAUBAPARÓQUIA SÃO JOAQUIM PORTEIRINHA MGVELA VIRTUALTV CANÇÃO NOVA MÚSICA CATÓLICA

CHAT CATÓLICOPAPEIS DE PAREDECATECISMO DA IGREJA CATÓLICASANTOS E SANTAS DE DEUS

ECC voce aquihttp://marciosantana.no.comunidades.net/006.jpg

 

Em breve teremos

muitas novidades...

Aguardem.

Obrigado ...                                            

Márcio Santana

 

 

 


MAÇONARIA VS IGREJA CATÓLICA
MAÇONARIA VS IGREJA CATÓLICA

http://i41.tinypic.com/b4i3ba.jpg

                            Maçonaria X Igreja Católica

Estimados amigos, dirijo um alerta a todos os católicos e principalmente aos grupos, comunidades, pastorais, secretarias, paróquias e demais segmentos católicos que ainda se conservam fieis as tradições da Igreja Católica Apostólica Romana. Tenho recebido alguns E-mails de jovens que pedem aconselhamento com relação a um assunto um tanto desagradável, mas que me chamou muito a atenção, pois muitos destes jovens ficam receosos de se identificarem quando solicito as suas informações, afim de lhes enviar esclarecimentos via correio. Estes jovens pedem esclarecimentos porque participam de grupos e movimentos católicos nos vários segmentos da Igreja Católica, porém ao mesmo tempo participam também da ordem jovem da maçonaria (sexo masculino), chamada DeMolay, para jovens de idade entre 13 e 21 anos. Está ordem da maçonaria, prepara os jovens segundo a formação maçônica, no sentido de formar grandes líderes e futuros maçons comprometidos com seus ideais e seguidores de suas doutrinas, leis e idéias.

Na maioria das vezes o jovem para fazer parte desta ordem precisa ser convidado por alguém que já faça parte da maçonaria. Espalhada pelo mundo todo, a ordem DeMolay se subdivide em Capítulos, que nada mais são do que grupos distintos, subordinados a um supremo conselho, que se reúnem quinzenalmente. Cada Capítulo é patrocinado por um grupo reconhecido de maçons e assistido por um conselho consultivo. Dizem os maçons, que o verdadeiro coração da ordem DeMolay é seu ritual, excelente meio de eliminar qualquer sentimento juvenil de inutilidade, dando ao jovem a certeza de ser alguém. E as jovens (sexo feminino) fazem parte da ordem das Filhas de Jó. E para se tornar um membro desta outra ordem jovem da maçonaria, é necessário ser uma jovem, com idade 11 a 20 anos incompletos (19 anos), ter parentesco maçônico, podendo ser: filha, neta, sobrinha, afilhada de um maçom regular. Vejamos agora o brasão da ordem DeMolay e a sua explicação: Cada parte do brasão DeMolay possui um significado particular para um membro da Ordem DeMolay.

O ELMO é emblemático da nobreza, sem a qual não haveria o caráter.

A LUA CRESCENTE é um sinal de segredo e serve para relembrar os DeMolays do seu dever de jamais revelar os segredos da Ordem ou trair a confiança de um amigo.

A CRUZ BRANCA DE CINCO BRAÇOS simboliza a pureza de intenções e o lema da Ordem - "Nenhum DeMolay fracassa como cidadão, como um líder ou como um homem".

AS ESPADAS CRUZADAS denotam Justiça, Força e Cortesia. Elas simbolizam a incessante guerra do DeMolay contra a arrogância, despotismo e intolerância.

AS ESTRELAS em torno do crescente são simbólicas da esperança e sempre nos relembra das obrigações que um Irmão da Ordem tem para com o outro. Bem amigos, depois desta breve explicação acima a respeito destas ordens jovens da maçonaria e dos elementos contidos no seu brasão, podemos perceber claramente que os jovens que fazem parte desta ordem maçônica estão comprometidos com os ideais da maçonaria, em outras palavras, aprendem desde cedo a defenderem a maçonaria e se oporem a todos ou a tudo que se manifeste contrariamente a maçonaria, inclusive muitos destes jovens, não concordam com a doutrina da nossa abençoada Igreja Católica Apostólica Romana, que já se pronunciou proibindo a participação de católicos nas associações maçônicas. Sendo assim, estes jovens se infiltram em movimentos, grupos, comunidades e demais segmentos católicos, acostumando a idéia entre os católicos, de que a maçonaria e o catolicismo estão em perfeita harmonia, e que não existe impedimentos de um maçônico ser católico e vice-versa, o que é uma mentira muito grave, como vocês podem ler abaixo neste documento da Igreja Católica Apostólica Romana.

DECLARAÇÃO SOBRE A MAÇONARIA

Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé 26.11.1983 Declaração de 26 de novembro de 1983 do cardeal Joseph Ratzinger, prefeito da Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé (v. L'Osservatore Romano de 26.11.83): Foi perguntado se mudou o parecer da Igreja a respeito da Maçonaria, pelo fato de que no novo Código de Direito Canônico ela não vem expressamente mencionada como no Código anterior. Esta Sagrada Congregação quer responder que tal circunstância é devida a um critério redacional seguido também quanto às outras associações igualmente não mencionadas, uma vez que estão compreendidas em categorias mais amplas.

Permanece portanto imutável o parecer negativo da Igreja a respeito das associações maçônicas, pois os seus princípios foram sempre considerados inconciliáveis com a doutrina da Igreja e por isso permanece proibida a inscrição nelas. Os fiéis que pertencem às associações maçônicas estão em estado de pecado grave e não podem aproximar-se da Sagrada Comunhão. Não corresponde às autoridades eclesiásticas locais pronunciarem-se sobre a natureza das associações maçônicas com um juízo que implique derrogação de quanto acima estabelecido e isto segundo a mente da Declaração desta Sagrada Congregação, de 17 de fevereiro de 1981 (cf. AAS 73, 1981, p.240-241).

O Sumo Pontífice João Paulo II, durante a audiência concedida ao subscrito Cardeal Prefeito, aprovou a presente Declaração, e ordenou a sua publicação. Joseph Card. Ratzinger (Cardeal Prefeito) É importante notar que a Declaração da Santa Sé afirma que "estão em estado de pecado grave, e não podem aproximar-se da Sagrada Comunhão". Isto é muito sério para os católicos. E é a palavra oficial da Igreja sobre a questão! O número 386 da Revista "Pergunte e Responderemos", de autoria de D. Estevão Bittencourt, nas páginas 323 a 327, traz um elucidativo artigo sobre o assunto. Neste artigo D. Estevão, de reconhecida seriedade e competência, teólogo renomado; afirma: "A Maçonaria professa a concepção de Deus dita "deista", ou seja, a que a razão natural pode atingir; - admite "a religião na qual todos os homens estão de acordo, deixando a cada qual as suas opiniões particulares". Esta noção de Deus e de Religião é vaga e não condiz com o pensamento cristão, que reconhece Jesus Cristo e as grandes verdades por Ele reveladas". "Além disto, tanto a Maçonaria Regular como a Irregular têm seu processo de iniciação secreta.

Propõem o aperfeiçoamento ético do homem através da revelação de doutrinas reservadas a poucos e recebidas dos "grandes iniciados" do passado - entre os quais alguns maçons colocam o próprio Jesus Cristo. Celebram também ritos de índole "secreta ou esotérica", que vão sendo manifestados e aplicados aos membros novatos à medida que progridem nos graus de iniciação. - Ora um tal processo de formação contrasta com o que o Cristianismo professa: este não conhece verdades nem ritos reservados a poucos; nada tem de oculto ou esotérico". Outra razão muito séria que D. Estevão levanta, para mostrar ao católico que não se faça maçom, é esta: "Ademais, quem se filia a uma sociedade secreta, não pode prever o que lhe acontecerá, o que se lhe pedirá ou imporá; não sabe se lhe será fácil guardar sua liberdade de opções pessoais. Embora tencione manter fidelidade a seus princípios íntimos, pode-se ver em encruzilhadas constrangedoras".

utro lado, é preciso lembrar aos católicos que a fé e a doutrina da Igreja é insuperável e completa: herdada dos profetas e dos Apóstolos; revelada por Deus; confirmada pela Tradição dos Santos Padres, Doutores e Santos; confessada pelo sangue dos mártires e guardada pelo Sagrado Magistério. Não é preciso buscar "coisas novas" para alimentar o espírito, uma vez que o próprio Senhor nos oferece a sua Palavra e o seu próprio Corpo na Eucaristia. O Santo Padre nos outorgou o Catecismo da Igreja Católica, de riqueza inefável, capaz de nos preparar para cumprir aquilo que São Pedro nos pede: "Estai sempre prontos a responder para a vossa defesa a todo aquele que vos perguntar a razão da vossa esperança" (1Pe 3,15). Além do mais é preciso lembrar que a principal virtude do católico é a obediência à Santa Igreja, chamada pelo Papa João XXIII, de Mater et Magistra (Mãe e Mestra).

Quem desejar compreender melhor as razões pelas quais a Igreja, como Mãe cautelosa, proíbe os seus filhos de se associarem às lojas maçonicas, poderá ler o livro do Bispo de Novo Hamburgo, D. Boaventura kloppenburg, Igreja & Maçonaria, Ed. Vozes, 2a. Edição, 1995, ou ainda o livro do Bispo D.João Evangelista Martins Terra, sobre o mesmo assunto. Infelizmente, em desobediência à Igreja, alguns no passado, até mesmo do clero, se associaram à Maçonaria, no intuito, às vezes, de serem úteis à sociedade, mas isto nunca foi permitido pela Igreja. (Do livro "Entrai pela porta Estreita" do Prof. Felipe Aquino) Comentário do Autor Estimados amigos, depois de escrever este artigo, muitos jovens Demolay enviaram para mim, através de mensagens de E-mail, palavras agressivas e até ameaçadoras e etc.. Porém para minha surpresa, outros jovens Demolay enviaram mensagens amigáveis, tentando explicar que eles não eram contra a Igreja Católica e que mantinham a boa moral cristã, se dispondo em esclarecer-me, caso eu assim desejasse sobre os Demolay.

Eu acho que todos, independente de religião ou crença, tem direito a defesa, e normalmente, eu não mudaria uma palavra deste artigo por medo de retaliação a minha pessoa, até porque este artigo foi baseado nos documentos da Santa Igreja Católica. Mas depois de trocar e-mails com muitos Demolays que foram educados e amigáveis, resolvi que talvez tenha sido um tanto rude nas minhas palavras, e retirei os meus antigos comentários. Porque percebi, que nem todos os jovens Demolays são contra a Santa Igreja Católica, seria injusto se eu colocasse todos eles em igualdade de posições em relação ao catolicismo.

Talvez estes jovens Demolays, deveriam se informar o porque da Santa Igreja Católica dar um parecer negativo as associações maçônicas, e a Igreja ainda diz, que os maçons estão em estado de pecado grave e não podem aproximar-se da Sagrada Comunhão. Aos jovens Demolay que enviaram mensagens fraternas e esclarecedoras, deixo aqui o meu pedido de desculpas, pois sei que em todos segmentos da sociedade, existem os bons e os maus, e ninguém por muito tempo consegue aparentar aquilo que não é. Porém, muitos ainda preservam a moral e os bons costumes, e dentro de seus corações, são homens honrados e justos, e o Senhor nosso Deus sempre os guardará das ciladas do inimigo.

Meu abraço fraterno Dilson Kutscher 30/09/2001

Site A Caminho da Redenção:

 

www.anjo.adm.br