Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
ENQUETE
O QUE LEVA UMA PESSOA A USAR DROGAS?
FALTA DE INFORMAÇAO
UM REFÚGIO P/ PROBLEMAS
FALTA ESTRUTURA FAMILIAR
AUSÊNCIA DE DEUS
Ver Resultados

Rating: 3.2/5 (3260 votos)




ONLINE
2





Partilhe este Site...



CLIQUE NAS IMAGENS.:CN

PEDIDOS DE ORAÇOES

SEU NOME NUMA MISSAhttp://marciosantana.no.comunidades.net/006.jpg

 

SANTA MISSA TERÇO ONLINELITURGIA DIARIA

BIBLIA ON-LINEcatecismo da igreja católicaVATICANO ON-LINEDIOCESE DE JANAUBAPARÓQUIA SÃO JOAQUIM PORTEIRINHA MGVELA VIRTUALTV CANÇÃO NOVA MÚSICA CATÓLICA

CHAT CATÓLICOPAPEIS DE PAREDECATECISMO DA IGREJA CATÓLICASANTOS E SANTAS DE DEUS

ECC voce aquihttp://marciosantana.no.comunidades.net/006.jpg

 

Em breve teremos

muitas novidades...

Aguardem.

Obrigado ...                                            

Márcio Santana

 

 

 


PERGUNTAS E RESPOSTAS
PERGUNTAS E RESPOSTAS

ZXSWE

Pergunta:

Na Eucaristia esta verdadeiramente o Corpo e Sangue de Cristo?

Resposta:

Paz e Misericórdia, Eucaristia – Milagre de Amor

Se a Eucaristia é obra de um amor imenso, esse amor teve a seu serviço um poder infinito: a onipotência de Deus.

Santo Tomás chama a Eucaristia, a maravilha das maravilhas - 'maximum miraculorum'.

Para convencer-se, basta meditar o que a fé da Igreja nos ensina sobre este mistério. A primeira das maravilhas que se operam na Eucaristia, é a transubstanciação: Jesus primeiro, depois os sacerdotes, por sua ordem e instituição, tomam pão e vinho, pronunciam sobre essa matéria as palavras da consagração, e imediatamente desaparece toda a substância do pão, toda a substância do vinho, acha-se mudada no Corpo Sagrado e no Sangue adorável de Jesus Cristo!

Sob a espécie do pão como sob a do vinho, acha-se verdadeira, real e substancialmente o Corpo glorioso do Salvador. Do pão, do vinho, restam somente as aparências: cor, sabor, peso; para os sentidos, é pão, é vinho. Deus pode tudo quanto quer: isto não lhe exige mais esforço que aquilo.

Eis a primeira maravilha da Eucaristia. Outra maravilha, que se contém na primeira, é que esse milagre se Renova à simples palavra de um homem, do sacerdote, e tantas vezes quanto ele o queira. Tal é o poder que Deus lhe comunicou; quer que Deus esteja sobre o altar, e Deus está! O sacerdote faz absolutamente a mesma maravilha que Jesus Cristo operou na Ceia Eucarística, e é de Jesus Cristo que recebe o poder, e em seu Nome que age.

É o que se realiza por seu poder: todos o recebem todo inteiro, com tudo o que ele é, cada hóstia consagrada o contém. Dividi essa santa hóstia em tantas partes quanto quiserdes, Jesus acha-se todo inteiro em cada uma das partes; em vez de dividi-lo, a fração da hóstia o multiplica. Quem poderá dizer o número de hóstias que Jesus, desde o Cenáculo, colocou à disposição de seus filhos?!?

Mas Jesus não somente se multiplica com as santas parcelas; por uma maravilha conexa, acha-se ao mesmo tempo em um número infinito de lugares. Jesus acha-se todo inteiro em um número infinito de templos e em cada um. É que, sendo todos os cristãos, espalhados pela superfície da terra, os membros do corpo místico de Jesus Cristo, é bem necessário que Ele, sua alma, esteja por toda parte, espalhado em todo o corpo, dando a vida e conservando-a em cada um de seus membros.

Para completar um pouco mais sobre a verdade incontestável da Presença Real de Jesus na Santa Eucaristia, abaixo anexamos o relato de um dos milagres Eucarísticos mais conhecidos:

“Lanciano” Lanciano – Itália aproximadamente ano 700 Por volta dos anos 700, na cidade italiana de Lanciano (antigamente Anciano), viviam no Mosteiro de S.Legoziano, os Monges de S. Basílio e entre eles havia um que se fazia notar mais por sua cultura mundana do que pelo conhecimento as coisas de Deus. Sua fé parecia vacilante, e ele era perseguido todo os dias pela dúvida de que a hóstia consagrada fosse o verdadeiro Corpo de Cristo e o Vinho o Seu verdadeiro Sangue.

Mas a Graça Divina nunca o abandonou, fazendo-o orar continuamente para que esse insidioso espinho saísse do seu coração. Foi quando, certa manhã, celebrando a Santa Missa, mais do que nunca atormentado pela sua dúvida, após proferir as palavras de Consagração, ele viu a hóstia converter-se em Carne Viva e o vinho em Sangue Vivo.

Sentiu-se confuso e dominado pelo temor, diante de tão espantoso milagre, permanecendo longo tempo transportado a um êxtase verdadeiramente sobrenatural. Até que, em meio a transbordante alegria, o rosto banhado em lágrimas, voltou-se para as pessoas presentes e disse: “Ó bem-aventuradas testemunhas diante de quem, para confundir a minha incredulidade, o Santo Deus quis desvendar-se neste Santíssimo Sacramento e tornar-se visível aos vossos olhos.

Vinde, aproximou-se de nós. Eis aqui a Carne e o Sangue do nosso Cristo muito amado!”.

A Hóstia-Carne apresentava, COMO AINDA HOJE SE PODE OBSERVAR, uma coloração ligeiramente escura, tornando-se rósea se iluminada pelo lado oposto, e tinha uma aparência fibrosa; o Sangue era cor terrosa (entre o amarelo e o ocre) coagulado em cinco fragmentos de forma e tamanho diferentes.

Serenada a emoção de que todo o povo foi tomado, e dadas aos Céus as graças devidas, as relíquias foram agasalhadas num tabernáculo de marfim, mandado construir pelas pessoas mais credenciadas do lugarejo.

A partir de 1713, até hoje, a Carne passou a ser conservada numa custódia de prata, e o Sangue, num cálice de cristal. Aos reconhecimentos eclesiásticos do Milagre, a partir de 1574, veio juntar-se o pronunciamento da Ciência moderna através de minuciosas e rigorosas provas de laboratório.

Foi em novembro de 1970 que os Frades Menores Conventuais, sob cuja guarda se mantém a Igreja do milagre (desde 1252 chamada de S. Francisco), decidiram, devidamente autorizados, confiar a dois médicos, de renome profissional e idoneidade moral, a análise científica das relíquias.

As mesmas foram submetidas então à análise científica dos Drs. Odoardo Linoli, chefe de Serviço dos Hospitais Reunidos de Arezzo e livre docente de Anatomia e Histologia Patológica e de Química e Microscopia Clínica, para, assessorado pelo Prof. Ruggero Bertelli, prof. Emérito de Anatomia Humana Normal na Universidade de Siena proceder os exames.

Após alguns meses de trabalho, exatamente a 04 de março de 1971, os pesquisadores publicaram um relatório contendo o resultado das análises:

A – A carne é verdadeira carne.

B – O sangue é verdadeiro sangue

C – A carne é do tecido muscular do coração (miocárdio, endocárdio, nervo vago)

D – A carne e o sangue são do mesmo tipo (AB) e pertencem à espécie humana.

Obs.: Coincidência extraordinária: É o mesmo tipo de sangue (AB) encontrado no Santo Sudário de Turim.

E – Espanta: Trata-se de carne e sangue de uma Pessoa Viva, pois que esse sangue é o mesmo que tivesse sido retirado, naquele mesmo dia de um ser vivo.

F – No sangue foram encontrados, além das proteínas normais, os seguintes minerais: cloretos, fósforos, magnésio, potássio, sódio e cálcio.

G – A conservação da Carne e do Sangue, deixados em estado natural por 12 séculos e expostos à ação de agentes atmosféricos e biológicos, permanece um fenômeno extraordinário.

Disseram os cientistas aos frades:

“E o Verbo se fez Carne!”